Os nossos amigos

terça-feira, 23 de junho de 2015

( Corvinas) 59 KG. - Mais dois monstros do ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ

Boas.

Mais uma investida ao peixe da moda... Desta com o meu amigo Palmeta. É sempre bom pescar ao lado dele. Diversão nunca falta com o maior chorão que eu conheci até hoje. Queixa-se porque não apanha, queixa-se porque apanha pouco, queixa-se porque já apanhou mais, queixa-se porque apanha muito mas podia ainda apanhar mais...queixa-se porque o sol subiu 25º graus mais a esquerda do que era previsto... É um gozo. Quem aprende a conviver com ele, a sua maneira, julgo que consegue se divertir muito pois no meio dos defeitos que lhe encontro, encontro-lhe mil virtudes. É alguém de quem gosto muito.



Numa altura em que muitos já desacreditam do que pode andar aí... Lá rumámos a elas, a procura de mais uma das grandes. Há que aproveitar os dias que ainda temos para tal...

Chegados lá meia dúzia de barcos apenas... Nada comparado com a romaria dos últimos tempos... Foi só chegar, e procurar o peixe... A maré estava a uma hora da reponta e era mesmo a hora certa... Escolhi o vinil e vai de ir para baixo... 





A sonda abria boas prespectivas... O peixe andava lá, agora era ter a sorte de estar em dia de fome. Logo nas primeiras animações... ptum ptum...

- " Palma já está..."... Mas a corvina não arrancava e começou as marradas... Só podia ser... Um lindo e formoso charroco!!!



- " Bela corvina, Filipe ahahah!!!"...

Caraças...

Fiquei com pica na mesma, e como a sonda prometia festa, fiquei com vontade lhes dar as boas vindas...

Concentrado e preparado, tornamos a procurá-las e assim que as encontrámos foi mel... Ele sente a ferragem... a gaja arranca loucamente ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ e desferra... E estava ele a chorar porque o céu é azul... E eu... ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ, de amostra a trabalhar a meia água, deixei de a sentir e sorri logo... Vamos a isto......................ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ.  Bruta, potente, fez 3 arrancadas maravilhosas. Sem tanta gente a volta pude ter prazer, deixar o drag um pouco mais aberto e trabalhar o peixe de outra forma. Cabeçadas, arranques, e muita luta... Um peixe potente, muito potente, deu me pica, e tirei a no tempo que já percebi que me dá mais prazer. Nem 8 nem 80... Nem tirar em 3 minutos nem em 1 hora... Estar ali uns 10 minutos a lutar com elas é muito gratificante e não me satura...

Foi muito bom. O vinil pobre coitado...





Assim que a metemos cá em cima, tornou o chorão... 

- " Só a mim é que não me calha"... 

- " Calma Palma já apanhas":.. E estava convicto que sim... A sonda a acusar peixe assim e já se via que estava a comer bem, era continuar...

E logo de seguida, vinil em baixo e ZZZZZZZZZZZZZZZZZ´S... ptuf ptuf... Mais uma mal ferrada...

O Palmeta já estava a deitar fumo, que se desferravam todas e tal e tal... 

A maré já tinha virado... E nada... E era o desespero... lol... E nisto... Sim!!! Ele leva uma mocada, a gaja dobra-lhe a cana, ele dá aquele toque, já meio louco, levanta-se a linha afrouxa, e começa...

- " Fugiu, porra, outra, não é possível... Eu não te disse que o sol estava 25º graus mais a esquerda..."

- " Calma Palma, tranquilo, estica a linha..."

E ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ, e desta não desferrou logo... No meio dos primeiros minutos a tremer em que foi um fartote, tive tempo de lhe acender um cigarro para ele relaxar, lol, e esperar... Lá foi apertando e como ele sabe tão bem, foi trazendo a menina... Exemplarmente como sempre, trabalhou o peixe e lá decidi ligar a GO PRO, que tinha guardada por uma questão já de crença. Parece que sempre que a temos ligada, nada se apanha, guarda-se a pimba... lol. Superstições. 




Bem, já com ela quase morta, encaixei-a no chalavar gigante que se tem no barco, um luxo para estes peixes. Cabia lá um jacaré, lol.

Como sempre fizemos a festa, tapámos 1 peixe, encaixamos o outro por cima e demos por terminada a pesca... A maré já corria, a pesca estava feita, e foi daqueles dias, limpinhos, limpinhos. Foi chegar, ver e vencer.

Para compensar as os dias difíceis, as grades, foi importante... Dois peixes, 59 kg. Nada mau.

Sem grandes segredos porque sinceramente não acho que hajam, no meio do saber a sorte desempenha um papel preponderante... Ainda se foi para casa a tempo de comer... 3 horas de pesca de luxo... Com um grande amigo.

Que venham mais como este... E em boa companhia...

...

- Ah, já diz o ditado popular... DIGAM COMIGO: Quem não chora... Não M...!!! Ah pois é. lololol...







Até breve...



Material:
Canas: Vega Bulljig, Barros Stout Red, Hiro Bellona
Carretos: Sakura Alpax 4000, Daiwa Catalina, Shimano Twin Power SW
Amostras: Fiiish Black Minnow; Luncker city, Savage Sandeel, Delalande Shad GT, 




FilipePC, Palma

5 comentários:

Os Pescas disse...

Parabéns meus amigos e que saudades vossas :-) Só de me lembrar do palmeta dá-me vontade de rir..hahaha.

Grande abraço para os meus dois grandes amigos

Luís Malabar

ntyper disse...

Grandas toras parabéns aos dois abraço.

Miguel de Solorobalizas disse...

¡Enhorabuena! Enorme jornada de pesca, lucha con corvinas de esa talla pone a cualquier pescador a prueba, nunca he pescado esa especie por eso le tengo tantas ganas, pero por mi zona a penas se ven.

Un saludo desde Caión "Costa da Morte" A Coruña

Ricardo Gonzalez disse...

Fantastico, enhorabuena por la jornada, hermosos ejemplares, un saludo

Pedro Franco disse...

Grades bichos, grandes momentos de luta.
Parabéns aos 2 pelos exemplares.
Aquele abraço e bons lances.