Os nossos amigos

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Super tubos, super grades, valeu a consolação de pertencer a um grupo destes!

Pois é, desta feita a viagem foi até Peniche para a zona do Molho Leste, até aos Super Tubos e Medão...
Tudo começou por uma brincadeira para se distribuir uns autocolantes, e veio a tornar-se numa jornada de mais de 20 pescadores.

Que saudades...
Eu tal como todos os presentes, encontrámos nos autocolantes um pretexto para nos juntarmos e claro fazermos aquilo que mais gostamos na pesca: Conviver e claro pescar!

Mais uma vez fui a uma pescaria entre amigos, que são as melhores que pudemos ter, as melhores e as mais animadas.
Conviver com um grupo de pessoas, diferentes, mas com ideais semelhantes, é algo de muito especial! A Internet é um local por vezes ingrato, digamos que nem sempre justo, mas todos temos a nossa forma de ser e estar. Junto a algumas pessoas sentimos-nos melhor e isso deve ser aproveitado, porque a vida é feita de momentos...
O gang do Medão
A pesca tem um poder único e que tanto tenho tentado fazer prevalecer. Alguém liga de que clube somos? Que ideologia política defendemos? Pois, é isso mesmo, e neste grupo, nesta família isso ainda se sente mais.


Estas fotos dizem tudo... Revelam o expoente máximo da pesca... e aquilo que vêm nestas fotografias são o motivo pelo renascimento de um fórum como o sitio... Uma família sem igual...

Podia não fazer um relato sobre uma pescaria feita por um fórum de pesca, mas porque  havia de o evitar? Porque havia de não partilhar, não só com quem lê, mas com quem passa a palavra... Sorte a de quem pode conviver com esta gente. Isso garanto a quem ler estas linhas.

A comer a sopa de peixe! E não só, eh eh eh!
Entendo que nem todos gostem da partilha, entendo que nem todos se sintam a vontade para aparecer num convívio de pesca, mas pessoal, quem faz os blogues, os fóruns, os locais de pesca, etc, somos nós... E aqueles que gostam da pesca, que a vivem lúdica-mente, podem ter a certeza que vale a pena ir a uma pescaria entre um grupo assim. Não ligo a nomes, ligo as pessoas, ao tacto, ao poder conviver, ensinar e aprender, enfim, passar um bocado com pessoas que gostam de fazer o mesmo do que eu. Contemplar a maior maravilha deste mundo: O mar!

Não nos juntamos para ir jogar a bola? Ou para jogar as cartas? Ou simplesmente para beber um café? Então e isto não é o mesmo? Pensem nisso...

No convívio.
Bem, mas falemos de pesca... Há algumas semana combinou-se através do sitio do pescador uma pescaria na zona de Peniche... Há hora marcada o pessoal foi chegando, e o local marcado foi num bar de praia da zona, o Shakra bar. Lá pudemos conviver e comer umas bifanas e uma sopa de peixe, conviveu-se, bebeu-se umas minis e médias, e ultimou-se a estratégia para a noite que se previa de bom tempo e mar chão... Pessoalmente não gosto de mar chão, mas epa, o importante não era isso...

Sempre feliz entre amigos!
Após a hora de degustação, os grupos dividiram-se... Alguns ficaram pelo molho Leste, outros rumaram a Super Tubos, e outros logo ao lado no Medão.

O pessoal do Molho Leste... Ao cair da noite, lá se foi decidindo a largar as minis e as bifanas e a irem para a faina., embora o mar parecesse uma piscina.


Como sempre este pessoal, adora fazer petiscadas na praia, é sempre uma noite de barriga cheia estar ao pé deles... Desta os malandros ficaram longe de mim, foi a sorte deles, eh eh eh!

 A pescaria no Molho Leste foi como no resto da praia, fraca, com peixe miúdo na sua maioria devolvidos.
Que voltem mais gordinhos e de preferência acompanhados dos avós.



 A bela da chouriça não pode faltar numa noite de pesca com o Ramiro e companhia...
Fiquei cá com uma inveja, se soubesse tinha ficado logo ali junto ao bar. Ao menos a pança enchia, eh eh eh


A noite ia pesando no cabedal e alguns iam cedendo ao cansaço.

Como não dava peixe, o Ramiro dedicou-se a caça!
Mais um juvenil devolvido!

Grande Chico, uma malha este amigo!
O resto do gang foi dispersando por volta das 7 horas em direcção ao Medão e Super Tubos. A praia apresenta bons atributos... Falta-lhe talvez um pouco de pedra... Mas de resto tem fundões e cabeços de areia, o que pronuncia boas capturas... 

A chegada ao parque de estacionamento, mais parecia um casamento!


Após 500 metros pelas dunas lá chegámos à praia, e fomos nos dispersando uns em direcção a Super Tubos, outros logo ali na entrada do Medão... A praia, estava linda, o ambiente espectacular...

O sempre bem disposto João, o último resistente!
O homem enganou-se no desporto, eh eh eh!

O sol ia desaparecendo e o pessoal preparava as montagens com todo o cuidado de forma a não falar nada, caso fosse lá o peixe das suas vidas...
Iscos não faltavam, desde casulo, ganso, lingueirão, tita, americano, batata, choco, lula, sardinha, nada nos fazia crer que não iríamos vencer a batalha!

As montagens escolhidas pela maioria eram de apenas um anzol, fosse fixo ou de correr, com cerca de metro e meio de estralho. Eu tentei de tudo durante a noite, alterando diversas vezes a estratégia, mas o peixe não estava mesmo naquele spot!

O mar como podem observar estava delicioso para um mergulho, mas pouco convidativo para a pesca em si... A menos que as convidadas fossem as nossas amigas douradas... mas deu de tudo, embora em poucas quantidades, menos douradas. Saíram alguns sargos de porte interessante, meia dúzia de robalos a rondar o quilo, tainhas, linguados e por incrível que pareça no surfcasting saiu um grande pargo, um animal lindíssimo, capturado com cabeça de sardinha!

Belo pargo!

Já perto das 6 da manhã abandonámos a batalha, vencidos pelo cansaço e por mais 100 e tal km para percorrer até chegar ao vale dos lençóis. 
A noite essa foi espectacular como sempre, com este grupo espantoso, que me tem feito companhia e que tal como outros companheiros de faina que tenho tido me têm convencido de que vale a pena partilhar!
Deixo um agradecimento especial ao Tiago Pacheco por ter sido tão bom anfitrião, foi um prazer pescar ao lado dele.
A todos, mesmo a todos, João, Luís, Guilherme, Ricardo, João II, Nuno, Jorge, Chico, Mascaranhas, Rogério, Babalu, Paulo, Ramiro, Daniel, Soares, Rider, Smokeme, Filipe, Lopodelgado, Pepas e restante equipa de gradeiros...
A todos os presentes, gracias!

6 comentários:

Kabe Ludo disse...

Foi porreiro sim senhor, belo convivio e deu para aprender muito, mas não volto a pescar ao lado do Tiago Pacheco, por causa das más companhias do João Nr1 fartou-se de enlear a linha dele na minha e do João Rodrigues que estava ao meu lado...por momentos pensei que ia desgradar, mas depois reparei que afinal tinha 'pescado' o Tiago, já vinha aos gritos pela borda da agua a dizer que estávamos enleados! :P

(ass. carekaPT)

Pedro Nunes disse...

Muitas vezes o k vale a pesca é o petisco e o convivio, essa choriça até aki cheira :)
Saude

Sergio Fernandes disse...

A pesca consegue juntar muita gente e criar boas amizades
abraço

Ernesto Lima disse...

Viva Pessoal!

Os meus parabéns pela pescaria e pela boa onda que emana desta Vossa entrada!

Grande convívio!

Abraço

Ernesto

Os Pescas disse...

Agradeço a todos pelos comentários. A pesca sem dúvida que faz milagres. Eu continuo a tentar ajudar a modalidade da forma que sei e posso.
Gosto muito das pessoas com quem pesco, fazem parte da minha forma de ver a pesca.
Costumo dizer que todos os que adorem a pesca, a natureza e o convívio entre as pessoas de uma forma gratuita, são e serão sempre uns autênticos "pescas".
Filipe.

Os Pescas disse...

Tem de haver espírito para se juntar um grupo destes para uma pescaria. O pessoal tem mesmo de gostar de estar a partilhar estes momentos, são estes mesmos momentos que vão dando alegria à nossa vida. Como já participei posso confirmar que é tudo boa gente.
O "Sitio do Pescador" está ai.

Nuno Fernandes