Os nossos amigos

terça-feira, 29 de março de 2016

Offshore Slow Pitch Jigging


Boas Pessoal....


Como eu tinha dito no ultimo relato, os testes com a cor dos jigs para determinar as diversas espécies já estava concluído, bastava apenas os testar na profundidade em busca de exemplares de peso e explosivos..:-)

A cota de profundidade escolhida nesses dias variou entre os 32 e os 70 metros de fundo....

E a espécie pretendida eram as garoupas e quem sabe algum cherne mais pequeno que se aventurasse em zonas mais baixas..

Vou vos contar o 1 dia de offshore de jigging que eu com a ajuda do meu camba fizemos. Não foi nada de especial...pois o peixe estava a começar a dar sinal de vida mas ainda não era o ideal em termos de actividade.

O primeiro ponto escolhido foi aos 32 metros, mas após algum tempo de leitura, percebi que não valia apena perder tempo ali, pois quando se procura pelas garoupas, devemos procurar por bolas de peixe junto do fundo. Isto porque a garoupa é atraída pela confusão que as outras espécies fazem quando se alimentam. E quando esses pequenos peixes se alimentam, ela aproveita para atacar algum mais desprevenido...hahaha. Qualquer dia tiro uma foto a um cachuxo só para verem as marcas que elas lhes fazem. Outro indicativo são os pargos....quanto maior for a bola de pargos e quanto maior for o tamanho deles, maior será a probabilidade de haver garoupas e de serem maiores.

Voltando à pesca......como o primeiro ponto não deu nada, decidi rumar a outro ponto cuja a cota estava nos 52 metros, mais metro menos metro...

Assim que chegámos, perdi algum tempo à procura de alguma bola de peixe até que dei com uma muito pequena...mas que já era alguma coisa. Decidimos fundear e enquanto o meu camba pescava ao fundo eu fazia a minha pesca. Rapidamente o meu camba foi sacando alguns peixes finos, entre eles alguns parguetes e eu sempre de olho nas garoupas. Claro que de vez enquanto lá sacava uns parguetes, mas só quando eu mudava a velocidade do jig e como eu não queria os parguetes mas sim as garoupas, passei de 1/4 para 1/2 e long fall.

O tempo foi passando e já com a actividade a baixar para o meu amigo, eu viro-me para ele enquanto me estava a sentar no banco para descansar as pernas e digo-lhe: Porra...se andasse ai alguma já me tinha atacado!!!....e nesse preciso momento antes do jig tocar no fundo em queda sinto um ataque...ferro o peixe e com a cana toda vergada e com o drag totalmente fechado mais o meu polegar a fechar o drag aguento o peixe....mas sem conseguir sequer enrolar um centímetro que fosse. Pois já sabia que mal tentasse enrolar o peixe ia sacar linha para ir à pedra....até parecia que o tempo tinha parado!!....era o meu amigo a olhar para mim e ambos sabíamos o que estava na outra ponta da linha....mas esses 5 segundos de pausa a sentir as cabeçadas dela sem conseguir puxar por ela pareciam uma eternidade!!....até que ela se orientou e voltou a sentir para que lado é que era o fundo.....e foi mais forte que eu.....eu sabendo que não podia puxar mais pela linha, assim que ela arranca em direcção ao fundo fui obrigado a tirar o dedo da bobine sabendo que os 10kg de drag não iam segurar o peixe. Assim foi, bastou levar 2 metros e rebentar com o leader.....F*****....C****.....o mal já estava feito e não havia nada a fazer!!

Até parecia que ela estava à espera que eu baixasse a guarda e me sentasse para atacar...grrrrr....paciência... ganha-se algumas e perdem-se outras.

Estava na hora de voltar a mudar de sitio e decidimos ir até outro ponto com pouca pedra e muito lodo. E caso desse-mos com os pargos elas haviam de aparecer outra vez, pois era uma questão de tempo.

Assim foi, depois de procurar demos com 2 bolas de peixe fino numa zona pequena. Talvez eles estivessem alimentar de camarão!!...

Depois de 2 tentativas para fundear lá conseguimos. A bola mantinha-se no mesmo sitio e assim que o meu camba largou a pesca dele para o fundo começou logo a malhar nos parguetes. Hummm!!!..isto promete...:-) Ainda por cima os parguetes eram bem jeitosos, só faltava ver se andava lá alguma no meio daquela confusão..:-)

Jig para o fundo e não demorou quase tempo nenhum até que eu voltou a ter a segunda oportunidade do dia...hehehe....mas eu só rezava para não perder mais um jig!!!

Esta atacou o jig em pitch´s longos e mal ela toca no jig eu ferro-a para logo de seguida ficar com a cana vergada e só a sentir o peso dela e as cabeçadas típicas delas....mas como a outra, foi também por pouco tempo até que ela mergulhasse em busca de pedra....Grrrr...mas nos poucos metros de linha que fui obrigado a lhe dar, não conseguiu encontrar uma pedra para raspar ou se esconder...Ufaaa!!!.....A luta ia demorar um bom bocado....eu recuperava um bocado e ela levava o dobro....Arggg...ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ..zZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ..ZZZZZZZZZZZZZZ.....puxaaaa.......ZZZZZZZZZZZZZZZZZZ..ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ...ZZZZZZZZZZZ...zZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ...puxaaaaaa........até que ela foi cedendo com o tempo e assim que ela subiu alguns metros do fundo, eu percebi que a batalha estava ganha....já podia relaxar que ela já era minha...hehehe...:-)


Com calma e sem stress lá ela rebentou à tona de água com o bucho de fora e estoirada da luta...:-)

Foi só lhe dar com o bicheiro, sacar o jig e contemplar a Morianga...a garoupa mais temível do mediterrâneo ...e não é para menos, pois parece um touro onde os primeiros momentos são cruciais para se ter sucesso na sua captura.

Ainda ficámos mais um bocado, mas tal foi a confusão que a minha garoupa fez no fundo que os outros peixes fugiram todos de medo...hahaha...foi então que demos por terminado mais um dia de pesca e rumámos a casa..:-)

                 Grande abraço para todos amigos e até breve

                                          Luís malabar


4 comentários:

Joaquim Carlos Araújo disse...

Nada como um peixe a sério para animar a malta :)

Grande abraço.

Os Pescas disse...

Como sempre excelente. Um grande peixe, isso dava cá um caldeirão de sopa...

Venham mais que estamos cheios de pica para ver grandes pescas. Um grande abraço.

Os Pescas disse...

Obrigado grande Joaquim :-) Ao menos já dá para lavar as vistas..hehehe

Aquele abraço amigo

Luís Malabar

Os Pescas disse...

Este já dava para o gang todo..hahaha. Obrigado meu amigo e vamos a ver o que as próximas pescas reservam :-)

Aquele grande abraço Fifas

Luís Malabar